• 21.02
  • 2005
  • 13:37
  • MarceloSoares

Abertas inscrições para o projeto Repórter do Futuro

Começa no dia 9 de abril, às 14h, a nova edição do projeto Repórter do Futuro, voltado para estudantes de jornalismo de São Paulo. Promovido pela Oboré Projetos Especiais há dez anos, desde o ano passado o projeto tem a participação da Abraji. Durante dois meses, 25 estudantes participarão de palestras e entrevistas com jornalistas e fontes, complementando na prática o que aprendem em sala de aula.

O Repórter do Futuro, criado há 10 anos, constitui-se de cursos de complementação universitária que visam proporcionar aos estudantes o contato direto com algumas das principais personalidades que são fonte para a atividade jornalistíca.

Para definir os palestrantes deste módulo, teremos a participação ativa dos alunos, através de uma eleição direta nas salas de aula dos cursos de jornalismo de diversas faculdades e escolas de comunicação de São Paulo. Serão distribuidas cédulas perguntando quais são os 3 grandes problemas de São Paulo, quem são as 3 pessoas que mais entendem de cada um desses temas e quais são os jornalistas que mais entendem de Brasil.

Os eleitos serão, então, convidados a proferir palestra e conceder entrevista coletiva aos alunos sobre suas áreas de atuação.

O curso comporta apenas 25 estudantes, selecionados dentre os inscritos.

O período de inscrições vai de 15 de fevereiro a 8 de abril através do www.obore.com.

O início do curso e a seleção dos candidatos será no dia 9 de abril ( sábado ), das 14 horas às 18 horas no Centro de Imprensa / Redação-Escola da OBORÉ e sede da ABRAJI : Rua Rego Freitas, 454 - 8º andar - Vila Buarque (80 metros do Sindicato dos Jornalistas).

O módulo terá a duração de 2 meses (abril e maio), com oito encontros aos sábados à tarde (das 13:30 às 18:00), de modo a não colidir com as atividades curriculares.

A proposta pedagógica prevê a produção jornalística (impressa e radiofônica), com foco na prática reflexiva de cada participante - e não simplesmente na aplicação de técnicas.

Para se medir o empenho real de cada participante, o projeto aplica o critério da Reembolsa, ou seja, cada selecionado paga R$ 260,00 ( um salário mínimo ) na forma de um cheque pós-datado que lhe será devolvido ao final do módulo caso assista todas as palestras, realize uma matéria semanal e consiga publicar ao menos uma delas , ao longo do módulo.

Outra marca do Repórter do Futuro é a produção dos Cadernos de Jornalismo onde se publica a síntese das conferências.
Assinatura Abraji