Liberdade de expressão

projetos

Projeto Tim Lopes

Acesse o projeto

O Projeto Tim Lopes é uma resposta da Abraji à violência contra jornalistas, em especial no interior do país. Ele está estruturado em duas etapas: primeiro, o repórter Bob Fernandes tem percorrido os cenários de alguns dos crimes mais simbólicos contra jornalistas nos últimos anos. Ao lado de um documentarista da equipe de João Wainer, Bob recolhe informações sobre o crime em si, as investigações e as consequências dessa morte para a comunidade. O objetivo é lançar o material em julho de 2017.


Uma segunda etapa, programada para o segundo semestre, consiste na criação de uma rede de resposta rápida aos crimes contra jornalistas. Sempre que um comunicador for morto no interior do país e houver evidências de relação com o seu trabalho jornalístico, a Abraji coordenará a viagem de cerca de seis repórteres de diferentes jornais do país para o local dos fatos. Após uma investigação intensiva, o material será publicado colaborativamente por todos os veículos envolvidos no projeto. Além de cobrir a morte em si, os repórteres procurarão mostrar qual ou quais foram as reportagens que deram causa ao homicídio.


O projeto Tim Lopes é realizado pela Abraji com financiamento da Open Society Foundations. O nome do projeto é uma homenagem ao repórter Tim Lopes, assassinado em 2002 quando fazia uma reportagem no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro.